de olho no mensalão

pelo Movimento 31 de julho

Dirceu e o Mensalão pedagógico

NOSSA OPINIÃO

Pena modesta, mas válida pelo simbolismo. Mais um dia histórico neste julgamento: José Dirceu, o mais poderoso réu do Mensalão, foi condenado a 10 anos e 10 meses de prisão. Não é muito, é pouco para a gravidade do crime de golpe contra a nossa constituição, contra a nossa democracia – na prática ele só vai pegar cerca de 18 meses de cadeia em regime fechado. Mas é um início e um recado firme e corajoso da nossa mais alta corte ao Brasil: a impunidade não é mais a regra neste país, notadamente entre os poderosos. Que seja pedagógico.

Hoje a sessão foi inflamada, com direito até a deselegâncias – um vexame, por assim dizer. O relator Joaquim Barbosa, numa demonstração de inteligência, estratégia e prática, decidiu por começar a sessão pela dosimetria do José Dirceu, líder do núcleo político. Qual é o problema? Nenhum. Essa é uma prerrogativa do relator e a corte já havia estabelecido que a ordem da dosimetria era livre. Pois o revisor Lewandowski ficou irritado e, dramaticamente, saiu do plenário. Neste processo, desde sempre, “obstruir” parece ser o seu mantra. Felizmente, o presidente Ayres Britto apaziguou os ânimos, o julgamento continuou, todos os ministros se pronunciaram e o revisor foi vencido. Um vexame. Se não fosse sério, seria um chilique, uma “piada de salão” – Delúbio que o diga.

Felizmente, a transparência do processo não deixa dúvidas:  a justiça está prevalecendo. E que assim seja. Nosso Supremo, sabiamente, está norteando todo o judiciário brasileiro. Este é um julgamento emblemático. Valeu, STF!

Inicio

Anúncios

Autor: deolhonomensalao

O MOVIMENTO 31 DE JULHO é o responsável por este blog. Desde meados de 2011 o movimento vem organizando e participando de manifestações contra a corrupção e a impunidade, tais como: passeatas, comícios e também ações na Internet, realizadas em conjunto com outros grupos do Rio de Janeiro e de todo o Brasil. Promoveu o abaixo-assinado – SOS_ STF- pelo julgamento do Mensalão, o Troféu Algemas de Ouro e a Campanha do Pega Ladrão. Vem contribuindo para causas vencedoras, como o reconhecimento da constitucionalidade da Lei da Ficha Limpa, a confirmação do poder do CNJ de investigar e punir irregularidades no Judiciário e a confirmação do julgamento do Mensalão, a maior conquista da sociedade contra a impunidade.

Os comentários estão desativados.