de olho no mensalão

pelo Movimento 31 de julho

O julgamento emblemático

NOSSA OPINIÃO

Surpresas e emoções? Algumas. Depois de dias ouvindo e vendo a ladainha dos celebrados advogados das defesas, o mesmo gesto teatral ao balançar papeis no ar, entremeado por afetados goles d’agua, uma repetição enfadonha de argumentos que não convencem – “não sabia, era “só” caixa 2” etc –, alguns compreensíveis cochilos, sem falar no recorrente ataque a um suposto complô da mídia – como se em tempos de internet e abundancia de informações contra ou a favor tudo e qualquer coisa, fosse possível consenso midiático -, finalmente, o julgamento entra em mudança de fase. Alvíssaras!

Como esperado, acentuou-se o embate entre o relator e o revisor do processo. Curioso como Joaquim Barbosa e Ricardo Lewandowski parecem ter visões opostas do mesmo material. Com que olhos cada um enxerga esse julgamento? Muito interessante. E até emocionante!

Como novidade, aconteceu a exclusão de um réu, a entrada em cena de Lula como suposto chefe da quadrilha, denúncia rejeitada, e – enfim uma ótima inovação – o desmembramento da votação do processo. Agora sim! Finalmente este julgamento será exemplar – em capítulos se torna mais fácil seguir as argumentações e os votos, além de lhe imprimir mais dinamismo, curiosidade e “suspense”. Afinal, a sociedade se esforça em acompanha-lo par e passo, pois, como é notório, trata-se de um julgamento importante que vai nortear a todos nós quais práticas são aceitáveis ou inaceitáveis neste país.

Nossas instituições democráticas saem fortalecidas. É um julgamento emblemático.

Inicio

Anúncios

Autor: deolhonomensalao

O MOVIMENTO 31 DE JULHO é o responsável por este blog. Desde meados de 2011 o movimento vem organizando e participando de manifestações contra a corrupção e a impunidade, tais como: passeatas, comícios e também ações na Internet, realizadas em conjunto com outros grupos do Rio de Janeiro e de todo o Brasil. Promoveu o abaixo-assinado – SOS_ STF- pelo julgamento do Mensalão, o Troféu Algemas de Ouro e a Campanha do Pega Ladrão. Vem contribuindo para causas vencedoras, como o reconhecimento da constitucionalidade da Lei da Ficha Limpa, a confirmação do poder do CNJ de investigar e punir irregularidades no Judiciário e a confirmação do julgamento do Mensalão, a maior conquista da sociedade contra a impunidade.

Os comentários estão desativados.